Escolas de Itatinga contarão com energia solar

Reportagem publicada pela Rádio Clube FM

A Prefeitura de Itatinga pretende equipar e levar energia solar para toda rede escolar e unidade administrativa da Diretoria de Educação

O primeiro passo foi dado com a contratação da empresa por meio de processo licitatório e instalação de usina fotovoltaica na EMEF Profª Maria de Lourdes Esteves Bronzatto, gerando energia para outras escolas.

A instalação de usina fotovoltaica traz ganho ambiental significativo, já que deve evitar a emissão, por ano, de toneladas de gases de efeito estufa, o mesmo emitido por automóveis. Para compensar a emissão de gases e o efeito estufa, seria preciso plantar inúmeras árvores dentro e fora da cidade.

Além das vantagens ambientais, essa alternativa permite a redução de custos de energia elétrica da Prefeitura. O gerador fotovoltaico com módulos de 540w e geração de ? 73kwp terá uma geração média mensal de 8.748kwh/mês, valor de R$ 7.785,72 (tarifa atual – R$0,89 kwh) somando benefícios econômicos, podendo contemplar até 15 unidades com consumo médio de 583,20kwh/mês.

Com a economia de energia elétrica, a Diretoria de Educação poderá investir em diversas outras benfeitorias nas unidades escolares como a instalação de aparelhos de ar condicionado, garantindo um ambiente confortável aos alunos da rede municipal de ensino.

O projeto marca a cidade de Itatinga como uma das pioneiras em iniciativas ambientais da região, colocando em evidência o comprometimento com a sustentabilidade de crises hídricas, do aumento das tarifas e até de eventual racionamento.